Follow by Email

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Dar gestão do Ibirapuera à iniciativa privada traz ansiedade a usuários e ambulantes

O prefeito eleito de São Paulo, João Doria Júnior (PSDB), que assume em 1º de janeiro de 2017, propôs transferir a gestão do parque Ibirapuera para a iniciativa privada. Segundo ele, a concessão seria uma forma de reduzir custos da prefeitura com a administração e de melhorar a gestão e a infraestrutura do local, que atrai mais de 200 mil visitantes toda semana e sofre de problemas crônicos, como manutenção e segurança, observados em visita da reportagem do UOL.

O modelo ainda está em estudo e a futura gestão promete debatê-lo com a sociedade. O Ibirapuera faria parte de um pacote amplo de concessões com outros parques públicos de São Paulo, como o parque do Carmo. Doria já afirmou que a mudança teria "custo zero para o usuário" e que o concessionário lucraria com quiosques de alimentação e organização de eventos, por exemplo.

A intenção gera apreensão e expectativa em quem frequenta o espaço ou tira dele sua subsistência. Alguns frequentadores apoiam a proposta, que veem como melhoria para o Ibirapuera; outros temem o aumento de taxas, como o que aconteceu quando foi implantada a zona azul na região.
Sentada à beira do lago e com o celular nas mãos, a estudante de veterinária Brenda Lemos diz que a falta de segurança do parque assusta. "É um pouco perigoso, principalmente nas vias que não são as principais", afirma, com a experiência de quem vem ao Ibirapuera praticamente todos os dias para se exercitar. "À tardinha, já tentaram me assaltar." Sobre a proposta de concessão, diz: "Se melhorar [o parque], tá bom, não é?". Desde julho, o contrato da prefeitura com a empresa de segurança privada está rompido.

fonte: http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2016/11/12/associacao-de-amigos-do-ibirapuera-rejeita-proposta-de-concessao-arriscado.htm

Evento no Parque do Ibirapuera arrecadará dinheiro para confecção de perucas para mulheres com câncer

Aula de funcional com o personal trainer Daniel Barsottini custará R$ 10 mais um saco de ração

Um evento solidário que acontecerá neste domingo (20), no Parque do Ibirapuera, arrecadará dinheiro para confecção de perucas para mulheres com câncer, que perdem os cabelos devido à quimioterapia.

Realizado pela 4ª vez, o Força na Peruca terá uma aula de funcional com o personal trainer e especialista em saúde da mulher Daniel Barsottini. O treino solidário faz parte do projeto Além das curvas, de Barsottini, em parceria com instituições que atendem pacientes com câncer.
Ex-modelo usa vaidade para lutar contra o câncer de mama: "Fiquei mais bonita"

“Uma semana antes do meu casamento, o cabelo começou a cair muito”, a Julia também encara o câncer

O evento começará às 8h30, sendo que a aula deve acontecer das 9h às 10h, e a entrada custará R$ 10 mais um saco de ração.
Todo o dinheiro arrecadado será revertido para a compra de perucas, que serão doadas para a ONG Unaccan, que atua com mulheres pacientes de câncer de mama. Já os sacos de ração serão doados para um projeto de Jael Kinoshita, que cuida de cachorros de rua.
Homens, mulheres e crianças com mais de oito anos poderão participar da aula de funcional, desde que não tenham nenhum problema de saúde que impeça a prática de atividade física. Não é necessário ter preparo físico avançado, pois o treino será adaptado aos participantes.

Fonte: http://noticias.r7.com/saude/evento-no-parque-do-ibirapuera-arrecadara-dinheiro-para-confeccao-de-perucas-para-mulheres-com-cancer-17112016